Postado em 3 de dezembro, 2012 | Por Luruk

12

Luciano Huck, Lei Seca, Rafinha Bastos e a hipocrisia do Brasil

O babado desse final de semana foi sem dúvidas Luciano Huck parado pela blitz da Lei Seca. Logo depois do acontecido e por ele ter se negado a fazer o teste do bafômetro, já estava em todas as redes sociais a notícia. Diante disto o apresentador usou sua página no Facebook para tentar reparar o erro e disse o seguinte:

“Deveria ter seguido o exemplo da minha esposa, e “ir de taxi”.
Apoio amplamente a Operação Lei Seca. E acredito que um dos seus maiores ativos é que, de fato, vale para todos. Não tem “jeitinho” para ninguém.
Ontem a noite, jantei em nossa casa e tomei um copo de vinho. Antes de dormir resolvi dar um abraço em um amigo que completava 70 anos de vida e 50 de tv, em um clube a 800 mts de nossa casa.
Fui parado na blitz, e achei melhor não fazer o teste do bafômetro. E agora pago, consciente, as consequências.
Valeu a lição. E vale, também, ressaltar a educação dos policias e agentes que estavam envolvidos na operação.
Vida longa a Operação Lei Seca. E que venha a Operação Parar Sobre a Faixa. Operação Jogar Lixo no Chão. Operação Respeite os Ciclistas. Operação Pedestre. Entre tantas outras.”

E claro, que eu achei graça na declaração esfarrapada que ele deu, primeiro por que já que ele é um dos comunicadores mais importantes da atualidade, não deveria ter bebido e dirigido, sim isso influencia e cria uma imagem péssima para ele, diante da hipocrisia de seu público. Ele cita logo no início do texto que admira a lei, por que serve pra todos não tem “jeitinho” pra ninguém, ou seja, ele deve ter tentado dar o troquinho do café e não funcionou, dai então se negou a fazer o teste do bafômetro, o que ficou mais feio ainda pra ele.

Agora veja que história mal contada, jantou e tomou UM COPO DE VINHO e somente antes de dormir resolveu dar uma abraço em um amigo que completava 70 anos de vida, porra gente! Se ele quis citar isso como desculpa, me poupe! Se o cara ta fazendo 70 anos, era para ele ter jantado na festa do cara, ter dado importância a ele e não sair de casa bêbado, dirigindo e ameaçando a vida de outras pessoas. Possivelmente isso deve ser mentira, tá? Não colou.

Elogiou os policias que estavam envolvidos na operação, ou seja, quer esconder que tentou suborná-los. Pra mim, sinceramente o pior de tudo não foi apenas ele ter posto em risco a vida de outras pessoas dirigindo alcoolizado, foi essa desculpa esfarrapada que parece que ele escreveu ainda bêbado e com medo de apanhar do chefão da Globo. Infelizmente dirigir sob o efeito de álcool é uma prática comum em nosso país e Luciano Huck teria ganho mais comigo se tivesse sido sincero, tipo: “Galera, sai de casa depois de tomar umas e não quis pegar taxi, fui pego na blitz e não fiz o teste do bafômetro, para não sair nos jornais que fui irresponsável.” Pronto, tinha ficado mais bonito pro sr. Certinho.


A repercussão da situação foi grande e o nosso querido Rafinha Bastos também se manifestou sobre o ocorrido e eu assino em baixo da declaração dele, saca só:

“Carta para Luciano Huck:

Luciano, você bebeu antes de dirigir. Fez merda. Mas não se preocupe: Para a maioria do país, comunicador FDP não é aquele coloca a vida dos outros em risco, é aquele que fala o que pensa. Fique tranquilo.

No fundo você está pensando: “Só bebi um pouquinho e estava a 20 Km/h. Essa lei é muito radical no Brasil e com a dose que bebi, eu não seria sequer multado em nenhum
outro país”. Não é isso que está na sua cabeça? Eu sei que é. Eu conheço cabeça de playboy inconsequente.
Mas é claro que você não vai dizer nada disso. Sabe porque? Porque dizer o que pensa é mais arriscado do que dirigir alcoolizado. Você nunca falou nada que desagradasse o seu público, não é em um momento de crise que você irá fazer isso, tô certo?

Você não vai jogar fora toda uma credibilidade construída durante anos de assistencialismo barato na TV, não é?

Para se sair bem desta, segue a minha dica: Fala que não agiu certo. Isso. Veste aquela máscara de celebridade arrependida e vai pra TV fazer de conta que você se importa com o assunto. Melhor ainda… faz campanha contra a combinação direção + álcool. Perfeito! Nossa, vai pegar super bem! O povo vai te amar ainda mais.

Genial.

Bem… Nem sei porque estou aqui dando dicas. Você sabe muito bem o que fazer, afinal, teatrinho falso na TV é a tua especialidade.

Tenho certeza que tudo vai acabar bem.

E da próxima vez, se não for atrapalhar muito a sua vida, tenta não colocar a vida dos outros em risco. Pega um táxi, seu bosta.”

Rafinha já teve declarações infelizes, mas o que a gente precisa agora são pessoas que falem exatamente o que elas pensam, chegamos a um ponto em que precisamos de sinceridade e com as redes sociais bombando não rola mais despistar a mídia e falar uma merda qualquer como desculpa. Vocês já me conhecem e sabem que eu falo mesmo, não concordo e foi feio pra ele.

De tudo o que fica pra gente como lição é: PEGA UM TÁXI, SEU BOSTA!

[ATUALIZADO]

Rafinha Bastos será processado novamente! Luciano Huck disse a imprensa que a carta aberta que Rafinha escreveu contém “grosserias gratuitas e desproporcionais” e sinceramente a imagem de Luciano só fica pior! Processar uma pessoa por ter expressado sua opinião? Não, minha gente não vivemos mais na ditadura, pelo amor de Deus, né?

Tags: , , , , , , , , ,


Sobre o Autor

Criadora do Espalha Fato. Viciada em séries como The Good Wife e Will and Grace, além de milhares atuais. Fã dos anos 80, suas músicas e clássicos do cinema. Fotografa, blogueira e desenhista por paixão. Web Design por formação.



12 Responses to Luciano Huck, Lei Seca, Rafinha Bastos e a hipocrisia do Brasil

  1. mauro says:

    hipocrita

  2. Elder Leite says:

    Luruk, você está certissima! Sempre tem esse tipinho de gente que se diz “boa gente” mas por trás das câmeras são extremamente ignorante.
    Parabéns pela matéria!

    • Luruk says:

      Brigadão Elder, isso é uma coisa que me deixa com raiva, ver esses poderosos abusando da lei e saindo bonitinho no final das contas.

  3. Ticiano says:

    Nada haver o finalzinho do texto, onde diz “Processar uma pessoa por ter expressado sua opinião? Não, minha gente não vivemos mais na ditadura, pelo amor de Deus, né?”. Muito pelo contrário, nós vivemos num País livre, entretanto, damesma forma que existe uma Lei “seca”, existe um Código Penal, que pune os crimes praticados por Rafinha Bastos. Expressar o pinião é uma coisa, dizer tudo que ele disse, ultrapassou as fronteiras do permitido e permeou as margens da criminalidade, portanto, o Rafinha Bastos, cometeu crimes de Calúnia, Injúria e Difamção e por isso deve ser punido.
    A minha frase para Rafinha seria ” Rafinha, pede para o mundo parar e desce, ou então se mate”.

    • Luruk says:

      Eu nunca defendi Rafinha antes, ele é um comediante e eu sei que foram infelizes as declarações, com relação a cantora Wanessa por exemplo. Porém, crimes? Tem tanto bandido solto por ai e milhões em Brasília roubando de todos nós, mas o povo gosta de usar o Código Penal apenas quando existem famosos “poderosos” por trás. Se não ter medo de falar o que acha e expressar sua opinião publicamente, se chama agora calúnia, injúria e difamação… Voltaremos sim, a ditadura. Mas uma hipocrisia tudo isso que você escreveu. Me desculpe mas não concordo.

      • Jonas says:

        O que Ticiano falou não é hipocrisia! O Rafinha chama publicamente o Luciano de “bosta” e ficaria impune? Engraçado como você num belo exercício de hipocrisia, elege as partes do Código Penal, que lhe são convenientes, para serem válidas e outras podem ser jogadas no lixo né?

  4. joao says:

    Como você sabe que ele estava bêbado Luruk? E se o Rafinha só fala o que pensa, então admitiu que tem uma mente depravada, quando falou que “comeria” o bebê de Vanessa Camargo.

    • Luruk says:

      E por qual outro motivo ele se recusaria a fazer o teste do bafômetro? Não sejamos ingênuos, por favor! Se fosse apenas um copo de vinho, como ele disse, teria feito na maior. Com relação aos outros comentários de Rafinha, concordo plenamente porém nesse assino em baixo. Luciano Huck foi muito infeliz na declaração, hipocrisia pura.

  5. Luciana Couto Rocha says:

    Concordo plenamente com o Rafinha. Pena que, no Brasil, impera a hipocrisia, parece que o povo brasileiro (poucos se salvam!) são alienados. O erro do Rafinha foi o pedido de desculpas, nem deveria ter se dado o trabalho de ter feito isso.

  6. Paula says:

    Primeiramente o que Luciano Huck fez é extremamente incorreto e irresponsável e ele será punido por isso, porém também é errado fazer um post baseado em especulações, que podem ou não ser verdadeiras; como, por exemplo dizer que ele teria subornado os policiais e tentado se safar. Isso pode tanto ser verdade quanto não ser e não se pode julgá-lo por algo que foi pressuposto por você mesma. Em segundo lugar, Rafinha Bastos é uma pessoa que ganha a vida ofendendo outras pessoas e que confunde em vários momentos a liberdade de expressão com a falta de bom senso. Ele tem todo o direito de afirmar o quão irresponsável e negligente Luciano foi, porém chamá-lo de playboy, bosta e várias outras ofensas que não cabem na situação é algo pelo qual ele também deve ser punido. O Rafinha tem todo o direito de dizer o que quer, porém o Luciano tem todo o direito de processá-lo a partir do momento que se sentiu ofendido e lesado pelas alegações do humorista. É ridiculo você querer maximizar o crime do Lucinano e minimizar o do Rafinha. E também não entendi qual foi a parte da hipocrisia, o Luciano não negou os fatos, assumiu seu erro e já começou também a fazer propagandas para a lei seca, atitudes extremamente corretas. Em nenhum momentos ele tentou negar nenhuma das alegações e acho também que se ele tinha ingerido uma, duas ou três taças de vinho não importa, pois o erro foi assumido e ele irá pagar por isso. Hipocrisia é ficar falando que o Luciano Huck foi pego em uma blitz e se negou a fazer o teste do bafômetro, enquanto, nesse mesmo dia, provavelmente alguém morreu atropelado por um motorista bêbado e nenhuma pessoa da mídia se importou em divulgar.

    • Luruk says:

      Concordo contigo em vários pontos Paula, porém o meu texto foi baseado na desculpa que o Luciano postou no Facebook, que sinceramente foi PÉSSIMA! Ele quis amenizar o ocorrido, contando uma história da carochinha… Hipocrisia que eu falo, é todo mundo achar que ele está certo só pq pediu desculpas e claro, dizer que defende a Lei Seca, mas se negar a fazer o bafômetro. Quanto ao Rafinha, sim ele fala um monte de besteiras… Mas foi o único que se posicionou sobre o assunto, enquanto a mídia esconde crimes graves (como vc citou) e deixa o Luciano pra lá, por ser famoso.

  7. Ricardo says:

    Lei seca,a vão se fode tche…vcs que nao tem oque faze ai pegam um apresentador famoso pra faze moral.vão ve os problemas mais graves.o governo mata quantas vidas por dia?.lei seca na minha cidade os policiais and am mais bebados que o resto da populacao.a lei seca vale pros policiais?Sao um corja…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back to Top ↑