Putin lembra como Trump lhe perguntou sobre 'Sleepy Joe'

O líder russo chamou a situação política nos Estados Unidos de “catástrofe”

O presidente russo, Vladimir Putin, disse que, ao criticar os processos democráticos noutros estados, ao mesmo tempo que utilizava os seus próprios recursos administrativos para suprimir um dos candidatos presidenciais americanos, Washington tornou-se motivo de chacota para o resto do mundo.

Falando aos jornalistas na sede da sua campanha em Moscovo, na madrugada de segunda-feira, depois de os resultados preliminares terem indicado a sua vitória com mais de 87% dos votos nas eleições presidenciais do país, o líder russo disse que o “o mundo inteiro está rindo do que está acontecendo” nos E.U.A.

“Estamos a comportar-nos com mais moderação do que os seus oponentes noutros países, mas isto é apenas uma catástrofe, não uma democracia – é isso que é”, Putin disse.

Putin observou que a administração dos EUA está a usar todo o seu poder e recursos para atacar um dos candidatos presidenciais, aparentemente referindo-se ao ex-presidente Donald Trump, que enfrenta uma litania de processos judiciais apesar de ser o favorito e praticamente o único candidato republicano remanescente.

Numa entrevista pré-eleitoral no início desta semana, Vladimir Putin disse que a Rússia não se intromete nas eleições estrangeiras e trabalhará com qualquer presidente eleito dos EUA.

“Acho que é óbvio para todos que o sistema político americano não pode reivindicar ser democrático em qualquer sentido da palavra”, ele disse em entrevista ao jornalista Dmitry Kiselyov. Putin recusou-se a comentar mais sobre a actual campanha presidencial nos EUA, mas descreveu a atmosfera como sendo “cada vez mais incivilizado”.

Você pode compartilhar esta história nas redes sociais:

Fuente